Publicado em

Nerve – O filme sobre o “Baleia Azul”?

Nerve imagem promocional Emma Roberts

Recentemente, ao ser adicionado ao catálogo do Netflix, o filme Nerve foi destaque em diversos portais de notícias por seu enredo lembrar o jogo de desafios suicidas “Baleia Azul”. Nós, do blog Só Acho, já assistimos ao filme e iremos compartilhar nossa opinião com você.

Nerve (Um Jogo Sem Regras) é baseado em um livro homônimo, lançado muito antes que o “Baleia Azul” fizesse suas primeiras vítimas. Portanto, apesar de lembrar o jogo, o filme não foi baseado no jogo. [Para conhecer o livro, clique aqui.]

O enredo do filme é centrado na personagem Venus/Vee (Emma Roberts), uma estudante do ensino médio que decide participar do jogo online de desafios chamado Nerve onde os players (participantes) – incentivados por prêmios em dinheiro, status sociais, adrenalina e motivos pessoais – cumprem desafios propostos por hackers e transmitidos ao vivo pelos watchers (observadores). O jogo é atraente, divertido e também perigoso. Ainda mais para uma garota insegura que vive à sombra da amiga bonita e popular do colégio e que descobre em Nerve a possibilidade de provar a si mesma que nem tudo parece ser como é, ou como fazem parecer.

Emma Roberts e Dave Franco em Nerve

Nerve atrai facilmente essa geração de redes sociais por transformar o telespectador em um usuário watchers (observador) do jogo. E, não bastasse essa fórmula, o filme também adiciona uma história romântica entre os personagens de Emma Roberts e Dave Franco, que mostram uma boa química. O elenco também conta com a presença de Miles Heizer (Alex, da série 13 Reasons Why) e Samira Wiley (Poussey Washington, da série Orange is the New Black).

O filme superou as nossas expectativas, por isso indicamos Nerve. Ele nos levou a refletir sobre o quão muitas pessoas correm desesperadas por status, curtidas, seguidores e, por quê não, dinheiro.