Publicado em

[Resenha] O Menino de Vestido

Quando algumas pessoas viram que eu estava lendo O Menino de Vestido do David Walliams (Autor de Vovó Vigarista), olharam estranho para mim. Então, talvez por um momento, me tornei o menino que estava lendo O Menino de Vestido. Assim como eu, algumas pessoas – mesmo que nunca tenham usado vestido – conseguirão se colocar no lugar do nosso personagem principal.

O Menino de Vestido é um infanto-juvenil, que eu indico para crianças de 7 a 12 anos, mas não há restrição de idade para este livro. É uma leitura rápida, cheio de imagens e pode ser lido por qualquer pessoa que tenha interesse no assunto. Mas já aviso que o enredo pode ser bem óbvio para os leitores adultos e final um tanto fantasioso.

Não é spoiler escrever que, em algum momento da história, o personagem principal usa vestido – o próprio título revela. O Menino de Vestido conta a história de Denis, que mora com seu pai e irmão. Após serem abandonados pela mãe, o pai de Denis impôs um monte de regras na casa. Entre elas: Não falar sobre a mãe, não chorar e, principalmente, não abraçar. Mas a regra de abraçar tem uma exceção, durante as comemorações dos jogos televisionados de futebol. Ah, ele adora futebol e joga super bem.

Denis sente falta da mãe, sente falta de um carinho antes de dormir, entre outras coisas. Um dia, ele ver um vestido parecido com um da sua mãe na capa da Vogue e decide comprar a revista. Pareceu embaraçoso para ele comprar uma Vogue, assumir então que admirava aqueles vestidos coloridos era outra história. Será que seu melhor amigo continuaria sendo seu amigo, se descobrisse sobre a revista? Seu pai, aquele que impôs a regra que meninos não choram, aceitará que seu filho leia a Vogue?

Denis é um garoto sensível que, apesar de jogar e gostar de futebol, admira vestidos coloridos e com paetês.

A imagem que o leitor tende a montar sobre Denis muda quando Lisa entra na história. Lisa é uma linda garota, admirada por sua beleza. Denis tem a oportunidade de falar com ela durante um castigo na escola, os dois se tornam bastante próximos por causa do gosto em comum por moda. A amizade deles é tão linda que dá para shippar* fácil os dois. *Shippar: Torcer pelo casal.

Com Lisa, Denis não precisa esconder seu gosto por moda e até chega a experimentar um vestido. Ele ficou tão bem no vestido que Lisa o convence a fingir ser uma estudante de intercâmbio. Então, neste momento ele passa a ser O Menino de Vestido.

Apesar das pessoas ligarem o vestido a sexualidade, O Menino de Vestido não é um livro sobre sexualidade. Ele é sobre diferenças, aceitações ou não aceitações delas e passa uma mensagem positiva sobre o quanto somos úteis para o próximo (mesmo quando somos considerados diferentes).

Você pode adquirir o livro na Amazon, clicando no banner acima ou aqui.

Momento propaganda: A maior parte de leituras que faço é utilizando o meu Kindle. O Kindle é um dispositivo apropriado para leitura. Parece um tablet, mas não reflete a luz ambiente, não cansa os olhos e proporciona a sensação de estar vendo um livro. Clique aqui e veja mais detalhes sobre o Kindle [com valor mais acessível] na loja da Amazon, no final da página há uma comparação com versões mais sofisticadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *